SBIm

N​ota técnica: Desabastecimento das vacinas combinadas à DTPa —​ ​disponibilização da quíntupla do PNI para os reforços

Imprimir

Comissão Técnica de Revisão de Calendários e Consensos – SBIm

Lamentavelmente estamos vivenciando nos últimos meses um período de escassez de vacinas combinadas contendo o componente pertussis acelular: vacinas quíntupla (DTPa-VIP/Hib) e sêxtupla (DTPa-VIP-HB/Hib). Essa indisponibilidade está afetando não só o Brasil, como vários países do mundo, inclusive da Europa.

Essa situação resulta de limitada capacidade de produção do antígeno pertussis acelular, bem como do aumento da demanda mundial pelas vacinas combinadas. A previsão de normalização na disponibilização dessas vacinas é somente para os primeiros meses de 2016 (fevereiro/março).

É desejável que os esquemas de vacinação sejam cumpridos com todas as doses administradas nas idades preconizadas e sem atrasos, assegurando assim a proteção adequada e precoce para os lactentes jovens. A interrupção de esquemas de vacinação primária pode levar a consequências dramáticas, especialmente para coqueluche e doença invasiva por Haemophilus influenzae tipo b (Hib).

Porém, diante da escassez das vacinas quíntupla (DTPa-VIP/Hib) e sêxtupla (DTPa-VIP-HB/Hib) preconizadas nos calendários da SBIm e da SBP, a Comissão Técnica de Revisão de Calendários e Consensos – SBIm sugere adotar estratégia que priorize grupo de maior risco (lactentes jovens, por exemplo) até que a situação seja normalizada.

​Leia o documento na íntegra.